ATENÇÃO Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.

Acesso myCasaYES
Introduza os seus dados de acesso
entrar Acesso Negado!
» Recuperar password
Recuperar Password
Introduza o seu e-mail de acesso
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
sessão de comparação:
» Nova sessão
título da sessão: » Sessão existente
adicionar
Por favor preencha os campos obrigatórios
Registe-se no myCasaYES
Vantagens de ser um utilizador registado:
  • » Possibilidade de criar multiplas sessões de comparação em paralelo
  • » Possibilidade de adicionar imóveis a diferentes sessões de comparação já existentes
  • » Possibilidade de editar/customizar sessões de comparação
  • » Outras vantagens
  • » Registar / Entrar
Acompanhe-nos YouTube Vimeo

Localização:

Clique no mapa ou escreva o distrito, o concelho e/ou a freguesia
ToBuy Fields
ToRent Fields
ToVacationRent Fields
ToOtherBusiness Fields
menos opções
PT EN ES

Notícias

Lista das últimas novidades imobiliárias

Preços das casas continuam a subir mas Lisboa vai mais devagar

Preços das casas continuam a subir mas Lisboa vai mais devagar

10/02/2020

Em Lisboa, o anterior "motor da valorização nacional", os preços subiram 9% em 2019, significativamente abaixo dos 19% exibidos no ano anterior.

Em Lisboa, o anterior "motor da valorização nacional", os preços subiram 9% em 2019, significativamente abaixo dos 19% exibidos no ano anterior.

Os preços das casas em Portugal reforçaram, no final de 2019, a trajetória ascendente dos últimos anos. A subida, contudo, foi impulsionada sobretudo por outras cidades que não Lisboa, com a capital a moderar o crescimento.
"2019 volta a ter uma subida muito expressiva nos preços da habitação, embora com uma estrutura diferente, ou seja, com os resultados a refletirem a dinâmica das segundas cidade", afirma o diretor da Confidencial Imobiliário (CI), Ricardo Guimarães.
Em Lisboa, que é descrita como o anterior "motor da valorização nacional", o salto dos preços foi de 9% no conjunto do ano passado, considerado "robusto" pelo diretor da CI mas significativamente abaixo dos 19% exibidos em 2018.
Os números da CI apontam para que, em dezembro do ano passado, o preço das casas em Portugal tenha aumentado 15,8% em termos homólogos. "Tal subida consolida o ciclo de forte valorização que o mercado residencial tem sentido nos últimos dois anos, registando durante esse período variações homólogas dos preços predominantemente acima dos 15%", explica a Confidencial Imobiliário, no comunicado enviado às redações.
Feitas as contas, a imobiliária considera "expectável" que, em 2020, "o mercado nacional comece a refletir a tendência já sentida em Lisboa", isto é, que os preços acabem por estabilizar em ritmos "mais normalizados".

Os preços das casas em Portugal reforçaram, no final de 2019, a trajetória ascendente dos últimos anos. A subida, contudo, foi impulsionada sobretudo por outras cidades que não Lisboa, com a capital a moderar o crescimento.
"2019 volta a ter uma subida muito expressiva nos preços da habitação, embora com uma estrutura diferente, ou seja, com os resultados a refletirem a dinâmica das segundas cidade", afirma o diretor da Confidencial Imobiliário (CI), Ricardo Guimarães.
Em Lisboa, que é descrita como o anterior "motor da valorização nacional", o salto dos preços foi de 9% no conjunto do ano passado, considerado "robusto" pelo diretor da CI mas significativamente abaixo dos 19% exibidos em 2018.
Os números da CI apontam para que, em dezembro do ano passado, o preço das casas em Portugal tenha aumentado 15,8% em termos homólogos. "Tal subida consolida o ciclo de forte valorização que o mercado residencial tem sentido nos últimos dois anos, registando durante esse período variações homólogas dos preços predominantemente acima dos 15%", explica a Confidencial Imobiliário, no comunicado enviado às redações.
Feitas as contas, a imobiliária considera "expectável" que, em 2020, "o mercado nacional comece a refletir a tendência já sentida em Lisboa", isto é, que os preços acabem por estabilizar em ritmos "mais normalizados".

Fonte: https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/imobiliario/detalhe/precos-das-casas-continuam-a-subir-mas-lisboa-vai-mais-devagar?ref=Empresas_outros